[ 30 de janeiro de 2020 by Inside Imob 0 Comments ]

Importância das empresas especializada em lançamento imobiliário

Quem olha o lançamento de um empreendimento, muitas vezes em um grande evento, não imagina o trabalho prévio para aquele momento acontecer e, mais que isso, para garantir que o investimento seja um sucesso. Escolher um local, uma cidade, um nicho específico de cliente requer um trabalho de inteligência imobiliária onde é muito importante entender o mercado antes de prospectar. A função de um lançamento imobiliário é chamar atenção para um novo empreendimento, onde é essencial a presença de um público direcionado, pessoas que demonstraram interesse prévio, corretores e consultores imobiliários, incorporadora, imprensa, investidores. Essa é uma das fases mais importantes, porque ali acontece a divulgação do projeto para um grande número de pessoas e a apresentação do começo das vendas em maior escala.

Entretanto, por quê o evento de lançamento é tão importante para os empreendimentos? 

“O lançamento tem um grande impacto na arrancada de um produto imobiliário. Se ele arranca bem, todo resto de lote que ficou do lançamento vai bem, os corretores que ficaram ali para trabalhar estoque estarão motivados, o comprador estará motivado, e com isso a saúde da carteira será melhor. Se você lançou mal, a tendência do seu empreendimento ir se arrastando por anos para finalizar a venda vai ser muito grande.” dispara Renan Magalhães, fundador da MasterGeo Engenharia e Planejamento. Para garantir o sucesso no logo no início, Renan destaca a importância de contratar uma empresa especializada em lançamentos, porque além de ter vivência de mercado constante é uma empresa que tem experiência de sucessos e de fracassos, afinal, quem faz lançamento vive disso: “Não existe mais profissional pato, o pato sabe nadar, sabe voar e sabe andar, mas não faz nenhum dos três direito. Na vida nós temos que ser águia, que voa de forma exímia como nenhum pássaro voa. Não dá pra fazer lançamento, gestão de estoque, marketing e no final não fazer nada.”

Evento de lançamento imobiliário
Quais as novidades para o segmento de lançamentos imobiliários?

A tecnologia é uma grande aliada em todas as etapas de um lançamento, as empresas especializadas além de possuírem know-how estão antenadas com as tendências do mercado e aproveitam todos os benefícios de tecnologias como inteligência artificial, business intelligence e marketing digital. Christian Barbosa, empresário e especialista em produtividade e alta performance, explica algumas vantagens proporcionadas por esses processos: “A inteligência artificial pode ser usada para descobrir qual o tipo de cliente ideal para um apartamento e você pode direcionar uma campanha de lançamento especificamente para aquele nicho. Quanto mais você tiver esses tipos de dados que dão o perfil do cliente, mais fácil fica de direcionar para um lançamento de padrão parecido. O business intelligence por si só permite que a imobiliária faça análises sobre seus padrões de vendas, perfis, momentos e ainda dá alguns insights de mercado. Hoje, o marketing digital tem muitas ferramentas que possibilitam, por exemplo, o entendimento do que funcionou e o que não funcionou pros próximos lançamentos no futuro com toda a estratégia do marketing digital de lançamento.”

Como faço para ter um lançamento imobiliário de sucesso?

Cristiano Rabello, CEO do Grupo Prospecta Inteligência, é categórico ao dizer que é fundamental entender um mercado antes de prospectar e que para isso é preciso entender basicamente três grandes pontos. Ele explica que primeiro é preciso entender a dinâmica econômica da região, a geração de riqueza, sobretudo se existe relação entre a cidade e as cidades circunvizinhas, porque a partir do momento que se consegue entender se a cidade pode crescer dá para avaliar se vale à pena investir. Para ele é uma questão matemática, para ofertar um produto é preciso ter gente que compre. Cristiano fala que a segunda variável é entender a demanda e o perfil sócio demográfico, com características como idade e quantidade de pessoas economicamente ativas, porque entendendo a capacidade de renda é possível entender quanto pode custar um produto levando em consideração a capacidade de compra, ou seja, quanto as pessoas podem pagar. Depois dessas etapas, Cristiano afirma que nesse primeiro momento dá para entender que preço não é o empreendedor que faz, preço é algo que tem que ser construído levando em consideração a capacidade de endividamento de quem vai comprar. Um trabalho minucioso que deve ser feito por quem entende exatamente como funciona e conhece cada detalhe.

Cristiano aponta que a terceira parte é entender a oferta: “Olha só que interessante, entendendo a dinâmica econômica, vendo como a cidade se comporta, eu consigo entender quanto que eu posso cobrar pelo imóvel. Através do mapeamento da demanda eu consigo entender quantas famílias estão seccionadas em cada classe social. Posteriormente, eu vou ver através da oferta qual parte dessa demanda já foi atendida e aí eu consigo encontrar o grande filão, se existe ou não demanda reprimida, que é a demanda não atendida. Não adianta eu ofertar produto em uma região que não tem demanda reprimida. Não importa se o produto é o top da galáxia, ele vai ficar no estoque. São as três variáveis básicas de entender antes de empreender, se você não entender disso não empreenda, porque empreender no mercado imobiliário e fazer um lançamento bem sucedido não é para amadores.

Por @insideimob

Gostou?

Então nos siga nossas redes sociais @insideimob @neximob

Mais informações nos sites www.insideimob.com.br e www.neximob.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *